Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

30
Abr06

Sózinha em casa...

Little Miss Sunshine

Aposto que muita gente deve pensar que eu não tenho mais nada que fazer do que estar a escrever no meu blog, mas a verdade é que eu passo a vida sózinha, é raro sair à noite e não há muita gente que me venha visitar...

Os meus amigos estão cheios de trabalho e os que não estão cheios de trabalho estão na borga. Eu não sou rica, não posso alinhar em todas, principalmente quando estou de orçamento limitado.

E então acabo as noites a jantar sózinha no meu quarto, hoje com Mateus Rosé, até estou um bocado tonta por isso se eu não fizer muito sentido, ignorem. Tenho o raio do media player a tocar e vou cantando pelo meio. Já pensei em chatear algum pessoal, já que amanhã é feriado, mas para quê? É uma perca de tempo e eu não estou para ouvir nãos - saber que todos já têm planos e só eu é que não é um bocado triste.

Sinto-me tão sózinha... A minha gata anda de roda de mim, tadinha, ela bem tenta tirar-me da frente do computador, mas é escusado. Nesta altura não me apetece encostar na minha cama e pensar na minha vida. Tenho trabalho e algum dinheiro, mas estou aqui, entre quatro paredes, e a falar comigo mesma por intermédio do meu Blog.

Eu queria ser como a minha irmã às vezes, ela sempre foi o oposto de mim - ela sempre teve amigos de sobra. Odeio a minha maneira de ser mas acho que não consigo mudar, eu não consigo ser eu mesma. Acho que nunca vou cativar ninguém porque eu escondo-me do que acho ser perigo. Não sei se alguma vez alguém vai partir esta casca dura que existe dentro do meu coração.

As pessoas pensam que eu sou corajosa, mas eu não sou. Eu sou tudo menos isso, e movo-me pelo orgulho mais que outra coisa qualquer. Se errei e não voltei atrás nas minhas decisões, é tudo por causa do orgulho e da minha fraqueza de querer ser aceite por todos.

Sou uma tola. Mesmo no amor, que procuro sem parar, acabo sempre por me estatelar no chão. Acho que vai ser desta, e achei sempre que era daquela... Quantas vezes? Nem sei, já perdi a conta. E a Primavera vai chegar e os casalinhos começam a sair para a rua e eu estou sózinha outra vez. Estou farta disto. É sempre a cair no chão. Um dia parto a espinha de vez e nunca mais quero saber desta tanga do coração.

Estou farta. Tenho de meter na minha cabeça de uma vez por todas que eu mereço muito mais, se não deu a perca não é minha.

Coragem mangana.

Fui lavar as mágoas com mais Mateus. Paz!

 

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D