Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

19
Jun08

Gajo, assim não dá!

Little Miss Sunshine

Tem exame amanhã. Desligo a televisão e vou até St Albans onde passo quase 4 horas à procura de uma cena para levar a gata ao veterinário amanhã. Já tinha discutido com ele de manhã porque há dois dias atrás meteu a minha roupa interior lavada a secar em cima do radiador completamente enrodilhada. Hoje cheirava tudo a mofo e teve de ser lavado outra vez. A tansa aqui ainda lhe comprou um RedBull Cola, um sabor novo que ele queria experimentar... Um pouco para me redimir do meu 'outburst', porque já sabemos o que é que a casa gasta e não foi bonito. Até me esqueci de levar o telemóvel...

 

Voltei a casa, a pensar que o gajo tinha estado a estudar essas quatro horinhas, e deparo com TV ligada (mesmo depois de eu ter retirado os comandos remoto), o gajo a comer frango que foi buscar ao centro (com comida suficiente para dar e vender no frigorífico, foi gastar dinheiro, e ainda me deve bastante dos vôos), a nada de estudo. NADA de estudo, leram bem!

 

Estou tão farta. Gastou quase £8,000 nas propinas do curso, chumbou a três cadeiras (em quatro possíveis) e não o vejo a pegar num livro. Pensar que podiamos ter aproveitado as propinas dele para dar uma entrada numa casa ou pagar um carro e ainda viver uns meses à pála... Só me dá vontade de chorar. Que raio de futuro me espera com um gajo destes?

 

Por mais amor que haja, a decepção é cortante e não me deixa ficar calada. Os limites de violência psicológica atingiram um novo record. Estou devastada e a pensar sériamente em voltar definitivamente para Portugal. Estou no limite das minhas forças. Preciso de paz.

 

Se calhar é como a minha amiga Sara me diz. A vida é dele, deixa andar. Mas o futuro é meu e eu não estou para me matar a trabalhar só para ter o que eu quero. Mais, ele acusa-me  pelo falhanço dele. Ainda hoje me atirou à cara que não conseguiu estudar porque nos chateamos de manhã.... Desculpa lá, há que estabelecer prioridades - e as deles estão todas trocadas. Se não dou espaço é porque não dou espaço, se dou espaço ele não faz nenhum... e ainda me atira a cara que, se chumbar, é tudo culpa minha...

 

Pois eu digo, meu amigo, que não é. Não fui eu que não peguei num livro, não fui eu que fui ao centro fazer coisas exteriores ao estudo, não fui eu que me sentei à mesa e agarrei na caneta na sala de exames... Bardamerda.

 

Isto afecta-me. Não tenho ainda uma casa só minha por causa dele - e nem tão depressa vou ter, porque até ele definir a situação do Visto em Janeiro que vem, estamos de mãos atadas. E nada garante que ele resolva a situação. Por isso, comecei a poupança. E em Setembro ou vai ou racha. Nesta altura tenho que pensar na minha tese e não estou para aturar birras de putos ignorantes e mal educados.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D