Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

30
Abr07

À deriva...

Little Miss Sunshine

A menos de semana e meia do fim dos meus compromissos escolares (excluindo o exame final a história do 3º Reich), tenho andado meio apática. Por um lado os últimos dois trabalhos não me deixam descansar, por outro os meus compromissos profissionais vão ser acrescidos de mais horas, algu que não me agrada mesmo nada.

 

Decidi fazer o Mestrado em Marketing, candidatei-me sem pensar duas vezes e agora tenho um receio miudinho de que, a ser aceite, tenha de me endividar em empréstimos bancários... É que eu odeio pedir dinheiro ao banco, mas neste caso não tenho mesmo outra solução. Nem sei muito bem como vai ser a minha vida, agora que acabo o curso.

 

Quer dizer, eu acho que vou acabar o curso, mas vamos lá ver. Tou aqui convencidinha que vou fazer o curso e tal, mas ainda não sei. Não recebi resultados nenhuns ainda e só em Junho é que sei se a minha tese está boa o suficiente para me dar uma nota boa...

 

Mas pronto, confiando que passo... O que é que vou fazer a seguir? A minha resposta é: voltar para Portugal... Mas com o meu rapaz aqui, e a minha gata maluca não tenho muita margem de manobra. E sinceramente não me vejo a morar longe do mar, por isso se ficar por aqui é melhor procurar um lugar à beira-mar plantado, mesmo que seja 'british'.

 

Ai, mas acreditem, só me apetece voltar... Mesmo sabendo que o mais certo é acabar desempregada ou acabar a trabalhar under-qualificada, num emprego qualquer, e a ganhar 800 euros por mês (ou menos). Só que a família está toda em Portugal, o cão está em Portugal... e o sol também... e o mar... e fala-se Português...

 

Eu só quero sair daqui, fazer como um casal nosso amigo, alemão, que farta-se de viajar pelo mundo fora. Pensei em ir para os Estados Unidos, mas até isso me parece complicado nesta altura, porque eu só me apetece acabar o curso e ir de férias um mês inteirinho. Um mês sem trabalho, sem estudo, sem exames, sem livros, sem correrias desenfreadas para apanhar o autocarro para o trabalho.

 

Odeio o meu trabalho. Odeio. Mas também não sei o que quero fazer agora. Por isso é que me inscrevi no mestrado. Não quero pensar nisso para já, posso adiar por mais um ano se for aceite... Um amigo meu perguntou-me no outro dia... Mas porquê tanto estudo? Para quê?

 

Eu olhei para ele e disse-lhe... Pois, não sei... Acho que é só mesmo para me manter ocupada, porque já não sei viver de outra maneira. É como o meu pai, que quando devia estar a descansar de uma vida inteira de trabalho, decidiu fazer doutoramento para juntar aos dois cursos de licenciatura que já tem.

 

Eu digo que hei-de estudar até ter cerebro. Mas eu quero é ter bébés, e uma casinha no campo ou na praia, uma família feliz e as contas pagas sem interferirem com o pão na mesa. Mas sonhos como este são cada vez mais raros de se concretizarem. O mais certo é ter bebés tarde, ter uma casa na praia quando me reformar, e contas... Bem... essas vão andar sempre a interferir com o pão na mesa, se bem que até agora não me posso queixar... tenho uma capacidade de poupança incrível.

 

Mas pronto, porque poupo não vou ao cinema, não janto fora, não tenho uma vida social. Enterro-me no meu quartinho, vivo a minha vidinha frente ao computador e disse. A verdade é que não quero pensar muito no assunto de acabar o curso. Nunca pensei que o acabaria. E saber que o vou acabar, mesmo com certa já tradicional insegurança minha, é mesmo assustador. Mas a ver vamos...

 

Vou-me deitar agora, porque estou mesmo cansadinhaaaaa! Jokas...

28
Abr07

Wembley...!

Little Miss Sunshine

Um dia de sol e calor, hora e meia dentro de um double decker, para desembarcar num mundo à parte, numa India dentro de Inglaterra!

 

O meu dia foi recheado de emoções, zangas, e muitos, muitos gastos... No fim valeu a pena! Aqui está o resultado final!

 

 

Valeu a pena ou não?

26
Abr07

Fim de Semana prolongado...

Little Miss Sunshine

Começou hoje, às 21h, o meu fim de semana prolongado do trabalho, lado a lado com o meu menino! Mas não vamos a lado nenhum - talvez a Wembley no sábado comprar especiarias e dois tops para os meus saris... 

 

Começou a contagem decrescente para o final do meu curso! Sim, posso ainda ter mais uma semana e meia de aulas antes dos exames, um trabalho para entregar e a tese (que pelo que o meu supervisor disse está a correr sobre rodas para uma nota muito acima do razoável), mas tou cá com um feeling que vou fazer isto mesmo - nem acredito que ja lá vão 3 anos!!!

 

Entretanto, amanhã é também dia de receber ordenadooooooo! Espero que este mês receba mais que o mês passado, porque tem sido mesmo complicado gerir as finanças com tanta coisa ainda por fazer. Domingo já temos jantar combinado no Indiano da zona com o nosso casal amigo alemão.

 

Eu e o meu menino abrimos uma conta poupança conjunta no Santander da zona (Abbey), e candidatamo-nos a mestrados na mesma universidade - a minha! A ver se somos admitidos, ele em Engenharia de Software e eu em Marketing. Não é que me apeteça estudar mais um ano, ficar a dever quase o valor de um carro ao banco - sem o usufruto do mesmo, claro - além de que o meu menino já está habituado a estas andanças e eu não, né? (vai ser o segundo mestrado dele). A conta poupança vai ser para juntar dinheiro suficiente para no ano que vem irmos uma ou duas semaninhas a Nova York, como prenda de final de Mestrado! De qualquer maneira também temos de pagar os vôos para a India em Outubro/ Novembro que vem!

 

E como estamos numa de novidades, o filhote da activestress já saiu do seu condomínio privado e parece que mãe e filhote estão bem e muito felizes. Ainda bem, eu sempre disse que na vida há sempre um final feliz por capítulo, mesmo que não pareça assim. Beijinhos aos dois!...

 

Bem, agora vou nanar, dormir, chonar... enfim, o termo que quiserem! Trabalhei que nem louca, amanhã tenho aulas e submissão de trabalhos... Depois espera-me uma tarde de trabalho intensivo em Business (trabalho final!).

 

Peço desculpa se tenho andado um pouco ausente dos mundos bloguistas, mas juro que volta e meia espreito nos vossos cantinhos.

 

Fui xx

22
Abr07

Já meteram o vosso nome no mapa?

Little Miss Sunshine

Pois olhem, eu já! E cheguei à conclusão de que tenho já uma catrefada de tugas a morar mesmo ao pé de mim! Este projecto, chamado 'Mapmyname' tem origens em Aveiro, e só por ser um projecto TUGA já vale a pena participar!!! Aqui está o meu cartão de visita, se se inscreverem por favor mencionem o meu project ID se quiserem fazer parte do meu grupo de amizades!

 

 

 

 

E agora, passando a coisas mais sérias, tenho 3,000 palávras para escrever entre hoje e amanhã.. Depois disso dou a tese por concluida e posso passar para o trabalho de Business. É que nem vos conto, sexta-feira deu-me a aceleração e fiz mais de 2,000 palavras assim de chofre. Não sei se a qualidade está por aí além, mas sinceramente, o que eu quero é ver-me livre desta prisão de palavras...

 

Hoje assinala-se o dia do Planeta Terra. Já fizeram alguma coisa pelo planeta hoje? Se ainda não fizeram, façam o favor de fazer, isto se se quiserem juntar aos milhões de pessoas em todo o Mundo que celebram este dia. Eu já fiz a minha parte - reciclo tudo o que posso e só me alimento de culturas biológicas. Nos meus tempos de traquina também plantei muitas àrvores e antes de vir para Inglaterra, tinha o meu canteirinho que cuidava com muito carinho.

 

Bem... Só passei aqui mesmo de fugida. De resto está tudo bem... Tem estado um calorzinho mesmo fixe por estes lados e já guardei os kispos e os casacos de Inverno, porque acreditem, este calor veio para ficar!

 

Jokinhas e até breve!

  

20
Abr07

Ausência...

Little Miss Sunshine

... perdoem-me, mas ainda me faltam 5,000 palávras mais, o que quer dizer que em príncipio só recomeço a escrever decentemente aqui depois de Domingo... Claro que é uma estimativa... A ver vamos... Amanhã tenho de fazer 2,500... e depois fazer a intro e a conclusão e disse...

 

Tá quase...

12
Abr07

A minha tese...

Little Miss Sunshine

Tenho andado desaparecida, eu sei... Mas a verdade é que como vos disse, estas férias estão a ser dedicadas ao estudo e aos meus trabalhos. Ainda tenho a tese e um outro trabalho para concluir, mas ontem já fiz cerca de 1.000 palávras na mesma. Faltam cerca de 9.000! Não é encorajador, mas para o meio da semana que vem, se eu me portar bem e fizer as 1,000 palavras todos os dias, vou ter mais de metade da tese concluida.

 

Só que não me parece que vá ter grande nota, para ser sincera. Mas o que interessa é mesmo o esforço, e acreditem, só eu sei como tem custado pôr em palávras minhas a historiografia Japonesa e Americana. Enfim... Hoje vou trabalhar, só venho lá para as sete e não há desculpas! Tenho mesmo de fazer as 1.000 palavras diárias, senão fico em apuros.

 

Seja o que Deus quiser.

 

O mais que tudo arranjou empréstimo para fazer o mestrado. Afinal vamos ficar por aqui ais um aninho, e eu já decidi que vou fazer mestrado também, provavelmente MBA. É um balurdio, mas se vou pedir empréstimo, ao menos que peça para uma coisa de jeito. Ainda não me decidi, mas estou mesmo inclinada para MBA porque se quiser ir para os Estados Unidos, a probabilidade de arranjar emprego é maior.

 

Bem, tenho de ir. Jokas.

 

09
Abr07

Um dia trás do outro...

Little Miss Sunshine

Esta semana tenho andado super-ocupada, a ver se termino os meus trabalhos todos antes de me dedicar por inteiro à minha tese. Mil vezes disse eu que a começava hoje, mas quis o destino (e a minha falta de motivação) que eu acabasse o penúltimo trabalho do ano hoje e deixasse para amanhã e quarta o último trabalho do meu curso (que é para Business, e por isso vai ser uma alegria escrever para aquela cadeira!)...

 

Eu sei que estou a arriscar não acabar o curso por causa da tese, mas pode ser que no fim até consiga mesmo fazer alguma coisa de jeito, quem sabe? Eu herdei a inteligêngia do meu pai, portanto tenho a certeza que me desenrascarei de uma maneira ou de outra. Tenho 1 mês (a contar de hoje) para escrever 10.000 palávras. Se me mantiver fiel às 1000 palávras por dia, em menos de 2 semanas está feita. Depois só preciso de me desenrascar com os pormenores, bibliografia e tal...

 

Mas para já estou só a tratar dos últimos trabalhitos e assim que me vir livre da tese... Estou livre!!! Quer dizer, até Junho, onde terei de fazer UM exame apenas para a cadeira sobre o 3º Reich. Entretanto tenho andado a pesquisar cursos de mestrado noutras universidades e encontrei um mestrado que me agradou imenso em Marketing Communications, na universidade de Bornemouth, a 2 horas de Londres e no melhor sítio da Inglaterra: o litoral sul, com mais de 12Km de praias e o melhor tempo de toda a Grã-Bretanha.

 

O meu namorado também encontrou o mestrado que ele quer tirar naquela universidade, e decidimos concorrer só para ver no que dá. Se for seleccionada terei de pedir um emprestimo ao banco para pagar o curso, mas pelo menos vou estar a viver ao lado do mar... Que saudades que eu tenho de pisar areia... Ninguém diria que eu detestava areia quando era pequenina.

 

A Páscoa correu sem tropecias, para ser sincera não sei o que é uma Páscoa em família há mais de 3 anos, por isso não sinto a Páscoa como sinto, por exemplo, o Natal... Entretanto continuo a engordar porque não ponho o pé no ginásio há 2 meses... Mas nem vale a pena ir para já, até porque tenho de acabar os meus trabalhos todos primeiro e só depois de respirar de alívio é que posso pensar em fazer dieta como deve de ser e exercício regular. Para já tenho ido dar passeios todos os dias, mas ando com uma dor de costas que só eu sei...

 

As coisas com o mais que tudo voltaram à normalidade... Finalmente vejo-o a mexer-se para fazer o mestrado dele, já preencheu o formulário para a Universidade de Bornemouth, e tem andado a tirar fotos. Está a pensar em criar um website para expor as fotos dele, e já me pediu ajuda. Os planos para ir para a India também estão a arrancar, mas devagarinho, porque a mana ainda não deu o OK definitivo e nós também não sabemos onde andamos por alturas do Diwali, em Outubro/ Novembro.

 

Se estivermos os dois a fazer o mestrado, temos de agendar a ida à India logo no início do curso senão arriscamos perder metade da matéria e isso pode significar desastre total.

Enfim, para já limito-me a viver um dia atrás do outro, e rezo todos os dias para encontrar inspiração e conhecimento suficiente para me safar da tese com uma nota razoável...

 

 

07
Abr07

Regras...

Little Miss Sunshine

Ontem, a conversar, lá me entendi com o mais que tudo. Mas fui-lhe já dizendo que ele tem 2 meses para mostrar o que vale. Afinal, por mais complicada que a minha vida esteja nesta altura, não quero deitar fora quase 10 meses de uma relação que até tem corrido bem (no geral). Mais, quero ter a certeza de que estes 10 meses não foram em vão e vão ter um final feliz...

 

Confesso que ultimamente até eu tenho andado impossível, com medo miúdinho de falhar em qualquer lado e não conseguir levar adiante os meus planos. O meu pai diz, e ele tem razão... Onde todos ajudam, nada custa, e a dois as coisas são menos pesadas (se excluirmos a bagagem emocional de cada um).

 

Hoje sonhei com a minha avó. Acho que é por talvez ser Páscoa, não sei... Foi um sonho estranho, perturbador até. Sonhei que ela tinha morrido afogada num esgoto de minha casa. Parvoíce, eu sei, até porque esse esgoto, apesar de existir, tem menos de 50 cm de profundidade... Mais, a minha avó faleceu num lar, como sabem... No meu íntimo, e apesar de ter ído ao funeral dela quase ano e meio atrás, ainda não dei encerramento a isto. Tenho saudades dela... De a ouvir a chamar-me. Dela se rir. Na última fase da vida dela, as coisas deterioraram-se... ela estava cá, mas na cabeça dela estava em qualquer outro lado, como se tivesse retomado à infância. Tenho-me lembrado muito dela.

 

Olha avó, este mês é 'desilusão'...

 

Acordei assim portanto, entre o triste e o sobressaltada, e agora está na hora de ir trabalhar... Mais um dia!

 

Beijinhos.

06
Abr07

Princípio do fim ou Fim do princípio?

Little Miss Sunshine

Eu e o Sid ontem acabámos. Ainda não sei se é definitivo ou não, mas a ruptura tem a ver com as minhas dificuldades extremas em gerir o meu tempo entre ele, a tese, três mais trabalhos e ainda o emprego no supermercado. Eu sei que muitas das coisas que ontem lhe disse talvez não sejam totalmente verdade. Eu sei que ainda o amo. Mas tudo nesta altura me parece um pouco surreal, até porque em Junho não sei bem o que vou fazer com a minha vida.

 

Com o final do curso surge uma nova fase na minha vida - isto é, se eu conseguir acabar a malfadada tese. Confesso que não tenho muita fé no trabalho que vou começar a desenvolver na próxima segunda-feira. Se tudo correr como previ, terei a tese feita em semana e meia, porque afinal é só mesmo escrever. Não sei se será escrever com conteúdo, mas eu tenho que fazer as 10,000 palávras, dê por onde der.

 

Ultimamente quando me olho ao espelho sinto-me tão gorda que só me apetece vomitar. Ontem praticamente não jantei e desde há uma semana que ando a tomar Sene. Quero perder esta barriga nojenta que se instalou há coisa de 2-3 meses. Decidi que a partir de hoje só vou ter duas refeições por dia, o pequeno-almoço e o jantar. No meio talvez uma salada e uma peça de fruta. Tenho de diminuir as minhas calorias para metade, e se conseguir, com a ida frequente ao ginásio eu sei que vou conseguir emagrecer de tal forma que vou poder recuperar toda a minha roupa que está em sacos para dar à caridade local (e que ainda não dei porque tenho fé de que vou vencer esta batalha!)...

 

Ha quem diga que eu estou doente, mas a verdade é que eu estou a ser realista. Não me sinto bem na vida que levo, sinto que levo uma 'low life,' onde perdi todo o sentido para aquilo que estou a fazer. Se acabar o curso em Junho, como aliás espero, quero abrir as minhas asas e voar para qualquer lado, definitivamente sair do Reino Unido e muito provavelmente não voltar ainda para Portugal. Quero fazer algo que realmente gosto, criar raízes num sítio que me diga alguma coisa, com o qual me identifique e acabar de vez com esta vida de cigana que levo - mala às costas e constantemente a pulular entre casas.

 

Uma das razões que levou à minha separação foi isso mesmo. A inabilidade de ter um futuro recente sem problemas. Eu sei que o Sid não tem culpa, ele até se esforça, mas eu ontem apontei-lhe várias razões para que nós não terminemos juntos, e uma delas tem a ver com a acomodação dele à realidade Britânica, a situação precária e quase ilegal como ele tem conduzido a vida dele...

 

Afinal, ele veio para este país com o intuito de fazer a segunda  pós-graduação dele. Está cá há três anos, e não tem segunda pós-graduação, nem tão pouco está já inscrito na Universidade! Não pode usar a outra pós-graduação porque está limitado pelo VISTO! Em contrapartida, está inscrito num instituto em Londres ao qual nunca vai e que é a única razão porque ele ainda não foi deportado para a Índia. Pagou não sei quanto aos gajos, e eles resolvem-lhe a sítuação com o Home Office, 'no questions asked'...

 

Entretanto, fez um curso de iniciação ao Mestrado, tipo um ano zero, que durou menos de 6 meses... depois começou a trabalhar em dois sítios, o que é permitido. O que não é permitido é ele trabalhar mais de 20 horas por semana, independentemente dos trabalhos que ele anda a fazer... E só num ele faz cerca de 30 horas semanais. Resultado, agora o Home Office tem um formulário novo para o pedido de extensão do VISA/ VISTO onde pede o número de contribuinte. Ele tem de renovar o VISA/ VISTO dele em Junho... Já estão a ver a cena, não é?

 

Mais, ele acomodou-se aos trabalhos mas tem dívidas com cartões de crédito e depois faz esquemas com amigos e sei lá que mais... Claro que o dinheiro que ganha não dá para tudo não é? Nem poupanças tem... Brincando, brincando, o curso que ele quer tira custa 8,000 libras, só pelo facto dele ser estrangeiro!  Portanto, nem estudo nem nada, já lá vão 2 anos e meio.  E nem sequer o vejo a mexer-se, ou a dedicar-se à fotografia, que é uma coisa que ele gosta tanto. Não tem ambição... nenhuma mesmo... Eu estou farta desta instabilidade que não me oferece quaisquer garantias de um futuro honesto, em que eu possa viver de cabeça erguida e sem temer que me batam à porta para o escorraçarem deste país.

 

Isto tudo com o stress do meu último ano da universidade estão a dar cabo do meu sistema nervoso, só quero livrar-me disto e por-me a andar... Não interessa para onde, mas eu já fiz a minha decisão, e não passa por ficar neste país. Muito sinceramente isso também representa outra contrariedade para a minha relação com o Sid, porque ele não pode ir para lado nenhum sem VISA/ VISTO, o que implica tempo e custos acrescidos...

 

O pior é que eu estou a fazer 30 anos para o ano e estou mesmo a ver que não vou ter tempo para construir família ou sequer arranjar um gajo que me ame e que não tenha tantas contrapartidas... É que eu já me via toda indiana, com filhos lindos e os sogros atrás num país com montes de sol. Agora, nem indiana, nem filhos, nem nada... Ainda tenho esperanças de arranjar um país com sol e calor suficientes... e praia... e bronze...

 

Mas isso vai ter de esperar, porque até lá tenho de emagracer. Com umas pernas grossas como troncos, uma barriga que mais parece de cerveja (apesar de eu não beber nenhuma), ninguém me vai querer levar para casa!

 

*Suspiro*

 

E eu que pensava que a minha vida já estava toda definida... Lá vou eu ter de começar tudo de novo. E até pode ser que as coisas entre mim e o Sid se resolvam, mas duvido, porque há muita coisa em jogo e eu não me vou casar só para salvar-lhe a pele. Ele tem que se mexer, e deixar por uns instantes o lado sonhador e optimista. Está na altura de enfrentar os adamastores da vida dele, porque eu não vou estar mais lá para resolver as situações.

 

Eu mereço ter, de vez em quando, o papel de mulher... em vez de estar constantemente a ser pressionada para desempenhar papel de homem.

 

Estou mesmo infeliz... Só me apetece vomitar... Se não estivesse naqueles dias do mês... Enfim... Fui. Tenho muito trabalho para fazer hoje. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAh! 

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D