Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

30
Nov06

2 dias com dores de cabeça...

Little Miss Sunshine

Pois é, tenho andado com uma tensão nervosa tal que as dores nem passam com Ibuprofeno... É 400mg, 600mg, 800mg... nada funciona.

A minha tensão nervosa tem como causa o Natal, o Ano novo, os prazos para os trabalhos da universidade, dinheiro, excesso de trabalho. Saudades. Enfim, coisas do dia a dia, qualquer pessoa consegue driblar isto bem se estiver no seu ambiente natural... Ora eu não estou no meu ambiente natural, não é?

E vida social... tadita, está mesmo debilitada porque para não gastar guito não janto fora, não vou ao cinema, nem sequer vou ao pub beber um copo (foi por isso que comprei o Baileys, pois...). Só me apetece dormir, nem tenho ido ao ginásio e se continuo assim, daqui a umas semanas estou pronta para fazer concorrência à barriga do pai Natal.

Oh, só me apetecia um Natal com uma àrvore gigante, a lareira acesa e a crepitar, as luzes da àrvore a piscar, a família toda à mesa, e mesmo ali ao lado as azevias, filhoses, fatias douradas, azevias do Norte, e os pinhões, nozes, avelãs...

Oh... o bacalhau...

Aquele cheirinho típico de Natal que contagia a casa toda, sabem? E as prendas aos molhos debaixo da àrvore de Natal... A avó recebeu uns chinelos, o pai recebeu um livro, a mãe recebeu um perfume, chocolates com fartura, jogos até altas horas da noite, arroz doce e aletria... Estar junto daqueles que nos amam e que nós amamos... Muitos deles já nem estão connosco...

Tio Zé, Avô Lomelino, Avó Gena, Tia Náná, Tio Né Né, Avó Vitória... Todos marcaram os meus Natais de uma maneira ou de outra e nesta altura deixam saudade no meu coração... Ainda a recuperar da morte da minha vó Torica (como o meu avô a costumava chamar), este Natal vai ser um bocadinho triste, sem prenda nem postal para a pessoa que me ensinou a cozinhar a melhor sopa de tomate do mundo...

 

...

 

Os meus Natais foram sempre muito bons. Agora que vou ter um Natal modesto, só eu e o meu gajo (que nem sequer o celebra), a tv como companhia e vegetais como ceia é que aprecio aquilo que já tive e que jamais se vai repetir - talvez em outras circunstâncias até se repita, mas em trâmites diferentes...

A verdade é que cada um dos meus irmãos vai à sua vida e se eu continuar por estas zonas eu sei que vai ser impossível passar Natais em família como há 5, 10 ou 20 anos atrás. O Natal mudou de significado. Já não é a euforia das prendas que me faz vibrar, mil vezes ter aqui a minha família toda...

Merda.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D