Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

29
Set07

Considerações de uma estudante à deriva...

Little Miss Sunshine

É certo e sabido que me encontro numa relação de longo termo (ou coisa que o valha, porque para mim, mais de seis meses é uma eternidade!), mas até quando? Isto é o que me pergunto todos os dias antes de me ir deitar e todas as manhãs quando acordo.

 

Eu nunca fui de me reger pelos meus amigos, sempre fui - aliás - apontada pelos meus amigos como sendo uma espécie de freak ou pessoa anormal somente porque era por demais sensível e também porque contava a minha vida toda por extenso ao primeiro(a) que me aparecesse pela frente.

 

Era uma sonhadora, mas se pensarmos bem, aos treze, catorze anos, quem é que não sonha que pode mudar o Mundo? Eu sempre achei que me iria tornar na pessoa que descobriria a cura para mil e uma maleitas do mundo - mas apesar de inicialmente ter achado que seguir quimica era o passo mais acertado para levar a cabo essa aventura, cedo me apercebi que o meu talento não estáva na matemática.

 

Acabei por seguir humanidades, mas sempre achei que humanidades era um pouco 'sem sal', faltava qualquer coisa. E agora, que descobri que a minha vocação é Marketing (apesar de achar que nunca fui grande vendedora...), toca a fazer o Mestrado, e já estou a olhar para a possibilidade de me mudar para os Estados Unidos e trabalhar numa grande companhia em Nova York.

 

Sim, estão a ver - lá estou eu a sonhar alto outra vez... Mas se eu não sonhar... Como é que vou traçar objectivos para a minha vida? É que eu não quero correr o risco de me acomodar ao que tenho porque é seguro, e deixar de fazer aquilo que realmente gostaria de fazer. Até porque ao perseguir os meus sonhos, estou também a derrotar muitos dos meus medos.

 

E ontem, ao ver os planos do mestrado e os trabalhos que entretanto estão já marcados também, começo a aperceber-me que não sei nada, e o pânico instala-se! Pior foi quando pesquisei no AMAZON três dos livros que vou mesmo precisar, e o preço dos três livros ascendia às 100 libras - o mesmo que recebi este mês do meu trabalho.

 

Batalhas e mais batalhas para vencer - é esta a minha vida. E as piores batalhas são as batalhas sociais, ou aquelas que implicam convenções sociais - eu ultrapasso as barreiras, mas não sem penar (e muito) primeiro. E tudo para quê? Para ter um namorado com problemas de compromisso, para ter meia dúzia de amigos que nem sequer me liga quando vão passear, e patrões dos quais tenho mais medo que respeito, pois nesta altura a minha dependência laboral deve-se à minha necessidade de sobreviver.

 

Isto de viver é uma coisa complicada. Mas na minha perspectiva pessoal, torna-se muito pior quando se tem um parceiro que não divide responsabilidades, mas que me as cria em mim. Por isso - grito ipiranga - hoje vou 'cortir' a minha vidinha, e vou passear para Hertford. Sózinha.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2004
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D