Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

23
Mai06

Maio, àguas mil!

Little Miss Sunshine

Vou mudar o decreto que diz que Abril é que é o mês das àguas mil! E mai nada.

Acordei e estava um sol lindo. Agora já está de chuva e eu tenho de ir para Londres. Nããããããoooooooo.....

É quase Junho e estão 4º C! Não pára de chover!

Quanto é que é preciso para subornar o São Pedro para que ele deixe de vir chover aqui para os meus ladose vá mais aí para os vossos, hã? Hã?

 

(tou com uma directa em cima . aiiiiiiiiiiii tou que nem posso... Tou farta de trabalhos!)

Vou fazer GREVE!

22
Mai06

Porque raio todos me perguntam...

Little Miss Sunshine

... se eu tenho marido? Ou então se eu moro com o meu marido? Eu tenho cara de casada? É que nem uso aneis nenhuns nos dedos, será que esta gente não sabe ver? Ou será que são todos acometidos de uma cegueira temporária quando falam comigo?

Das duas uma... ou é por causa do reflexo do meu cabelo loiro (a luz a bater nele deve de ofuscar tudo e todos com certeza! Só pode...) ou então é por causa dos meus olhos, que são tão verdes, tão verdes que estes gajos se perdem na imensidão deles, provavelmente a pensar que estão na praia e que os meus olhos são o mar!

Esta agora! Irra!

Não sou casada! Não sou comprometida! E não tenho namorado!

OK gente? (se calhar devia de escrever isto em inglês também não?...)

Okeys, I M notty casadex, noty comprometides and me have no man, percebating?

Ai, ai , ai ... heheheh

Boa noite pessoal. Até amanhã.

 

20
Mai06

O meu nome...

Little Miss Sunshine

Para quem se pergunta ainda porque raio o meu nome aqui é Rebel Fairy, a resposta é esta:

 

 

Perceberam? heheheh

 

Vou trabalhar! Até logo.

19
Mai06

As previsões de ontem...

Little Miss Sunshine

Ora bem, primeiro que tudo desculpem-me lá aquele ataque de tristeza mais abaixo - só vos quero dizer que estou quase recomposta, especialmente depois de ontem ter recebido um e-mail da minha prof de Witchcraft & Magic in England a dizer que tinha tido um "B" no meu trabalho! Um "B" é a 2ª nota mais alta, sendo o "A" a mais alta, depois "B", "C", etc, até ao "F", que é igual a Fail ou seja, um chumbo!

Claro que estou nas nuvens, até porque estava frustradíssima com o facto de não conseguir arranjar o raio dos livros que ela queria que eu usasse específicamente para  fazer aquela essay! Mais, fiz a essay em menos de uma semana, o que é um recorde... heheheh

E agora deixem-me lá contar-vos o que é que era aquela cena das previsões e o caraças... Não tinha nada a ver comigo directamente, mas eu fui cúmplice - e muito cúmplice heheheheheheh

A Raquel (sim, aquela minha amiga que está numa das fotos que eu publiquei aí há um mês atrás e que esteve cá em Erasmus, arranjou um tuga cá por quem se enamorou e que por acaso que é o meu muito amigo Bruno (que também esta numas outras fotos, desta vez uns postszitos abaixo!!!).

Ok, ela era para vir HOJE, às seis da tarde, mas ela decidiu surpreendê-lo e aparecer ontem... heheheh E então juntámo-nos as duas, porque eu também sou uma sacaninha para as partidas, e combinámos que ela ía para a minha casa e que eu convidava o Bruno para jantar ( sim, porque ninguém recusa vir comer da minha pápa, isto porque eu sou uma excelente cozinheira (consta - LOL).

E isto foi tudo esta semana. Escusado será dizer que nós as duas fechámo-nos em copas e ninguém sequer sonhava que ela vinha um dia mais cedo, tirando o pessoal mais chegado e família, claro.Quando saí do trabalho às seis da tarde fui buscá-la à estação com um amigo e ele trouxe-nos a casa (ele tem pópó).

Entretanto o Bruno ligou-lhe e ela a ele, LOL e ele nem desconfiou um cadinho. Ela a dizer que tinha acabado de sair das aulas e que estava a caminho do carro para ir para casa... E eu depois a ligar-lhe e a pedir-lhe para me trazer salada e puré de batata, e a Raquel a fazer-me sinais, que eu nem sei como não me desmanchei toda a rir.

Às nove horas, chega o menino Bruno à minha porta. Bem, a cara dele quando olha para a Raquel a abrir-lhe a porta - é que nem assimilou, tadinhoooo... hehehehh E eu e ela gritámos SURPRESA!!! heheheh

Valeu a pena, sim senhori!

Aos meus amigos, juntinhos e lindos, gosto muito de vocês!  

E pronto...

Hoje fui trabalhar e estava lá o Martin, mas falámos só por um cadinho, ele pediu para eu lhe continuar a mandar mensagens, mas a mim só me partem o coração uma vez... Azar!

Vou ver se acabo o trabalho de gestão. Um beijinho e até amanhã!

Hehehehe a carinha do Bruno heheheheh

17
Mai06

Síndrome de Bridget Jones em português....

Little Miss Sunshine

Estou mesmo na merda hoje.

Opá, desculpem-me os gajos da Somália, que não têm de comer. Desculpem-me os sem abrigo do mundo. Desculpem-me os gajos em guerra... Hoje estou a viver o meu drama como se fosse o fim do meu mundo. O resto a mim não me interessa... EU SÓ QUERO... Merda, eu nem sei o que quero.... Só sei que não quero ficar sózinha e sinto-me mais sózinha que nunca. Nem a minha gata ameniza o que me vai na alma.

Sinto que o meu coração é um buraco negro, a sangrar sem parar. As lágrimas vêm de quatro em quatro e não consigo parar de ouvir músicas como o "All by myself" e " I can't live without you". Amanhã provavelmente acordarei como se nada se tivesse passado, mas a mensagem está no meu telefone e é uma mensagem de adeus, como tantas que tenho recebido por esta minha vida fora. Porquê? Eu só queria saber porque é que isto me acontece a mim?

Fartei. Fartei-me tanto, estou farta de receber nãos, quer dizer, é que nem sequer se dão ao luxo de me deixarem dar a conhecer! Porra, brincamos ou quê? Porque é que as pessoas se afastam de mim? Porque é que eu afugento aqueles que me são queridos?

Sou independente e o caraças, mas até uma pessoa como eu tem direito a ter um momento de eterna felicidade, porra. Que merda... A comer biscoitos e a beber coca-cola light, sózinha na merda do meu quarto, com montes de trabalho para fazer e só consigo chorar.

É que nem tenho razão, porque já marquei o meu vôo para Portugal. Tenho montes de contas para pagar mas que se lixe. Que se lixe o mundo. Merda de gajos. Porra. Porque é que eu tenho de andar sempre assim? Estou tão cansada, mas não quero acreditar que para mim as coisas não vão melhorar a esse nível. Choro baba e ranho, não porque me despacharam, mas porque eu própria começo a reconhecer o falhanço que a minha vida afectiva representa para mim.

É a frustração de não conseguir ter nada bem e quando tenho alguma coisa bem, nunca parece suficientemente bem para mim...

O trabalho corre bem, a universidade corre bem, então porque raio é que eu continuo assim? à deriva? Sózinha? Estou farta desta solidão. Corroi-me o espírito, preciso de ter alguém, preciso de estar apaixonada, e de apaixonar outros, e estou farta, porque eu não vou passar disto. Simplesmente não vai passar disto...

E a beleza, a inteligência e o espírito combativo que vão todos à merda, porque não me estão a ajudar em nada. Simplesmente eu não mereço ser feliz. É isso. E assim fico eu, à deriva por hoje, a pensar no que não tenho e a viver de vazios.

Lindo!

16
Mai06

Está a chover!

Little Miss Sunshine

Ironia das ironias...Beber uma chávena de cacau com menta light e comer duas brutas panquecas com um topping imeeeenso de chocolate NON LIGHT!

Opá, olhem, já que ganhei peso mais vale aproveitar um cadinho... heheheh daqui a um mês vou ter de fazer dieta mesmo porque as contas para pagar não são ligeiras e eu só ganho uns tostõezinhos de ordenado mínimo por mês...

Mais, já tenho os exames marcados, um dia 31 deste mês e outro dia 9 de Junho... Vai ser bonito, vai!

Bem, desculpem-me se hoje não me estico muito, só que tenho um trabalho de Business para acabar hoje e mais para fazer!!!

Beijokas...

15
Mai06

Trabalhos e festas! Um cheirinho de férias...

Little Miss Sunshine

Faltam-me 1000 palávras para acabar o meu trabalho de Escrita Historiográfica...Hoje acabo isto de certeza! (espero)... Quanto mais cedo melhor.

Ontem o Grant telefonou-me ( ele é um dos meus melhores amigos aqui, acho que já falei nele, não? Ok, eu no fim disto publico umas fotos maradas de festas a que nós fomos) e em príncipio ele vai a Portugal de 1 a 11 de Agosto! E provavelmente vamos juntos o que é fixe, porque sinceramente eu estou farta de viajar sózinha. Somos capazes de ir para o Porto e depois das duas uma, ou alugamos um carro para ir até Lisboa, ou então cravamos boleia a alguns dos nossos amigos!

Estou desejando que venham as férias, o que me vai custar é deixar a minha gatinha para trás... mas acho que o meu ex-namorado vai poder ficar com ela. 

E pronto, tenho de voltar à assignment que se faz tarde. Deixo-vos umas fotos das festas a que tenho ido com o meu amigo Grant e com os tugas todos!

O people das festas: Grant, Eu, Gonçalo, cabeça de cerveja Bruno (lol), Sara, Elsa e Raquel!

Os estrangeiros todos... LOL tirando o Didier, no topo, porque ele é um tuga disfarçado de franciú!

Ok, esta não está lá muito nítida, mas da esquerda para a direita, Elsa, Didier, Bruno, Sara, eu e o Gonçalo - a Raquel é quem tirou a foto, por isso não aparece aqui!!!

Esta foto foi depois de termos saído do Font Bar. Acabámos a noite na casa do Grant, como era hébito, a comer pãozinho com presunto e a beber coca-cola!

Esta foi tirada numa daquelas noites em que o people se junta todo para o karaoke, no Elehouse. Eu, o Hugo e o António.

Aqui mais people do grupo, Grant, o Brasileiro (não me lembro donome dele) e o Bruno...

Ok esta sou eu. Quem tirou a foto foi o Grant, com o telélé dele, escusado será dizer, depois de muita cervejinha... Está tudo tremido! LOL

E este é o Bruno, que bebeu tanta cervejita também que nem se lembrava desta foto... Não foi, Bruno?? hehhehe O chapéu é da Alexandra...

 Bem, vou ver se faço o meu trabalhito! Beijinhos!

14
Mai06

Fuck, fuck, fuck, fuck!

Little Miss Sunshine

Maybe we aren't suppose to be happy.

Maybe gratitude has nothing to do with joy. Maybe being greatful means recognizing what you have for what is is and admire the struggle it takes to be simply human. Maybe we are thanksful for the familiar things we know and maybe we are thankful for the things we may never know.

At the end of the day, the fact that we still have the courage to still be standing is reason enough to celebrate. Even now, I believe for the most part, love is about choices. It's about putting down the poison and the dagger and making your own happy ending, most of the time. And that sometimes, despite all your best choices and all your best intentions, fate wins anyway.

Intimacy is a four syllable word for 'here are my heart and soul, please grind them into hamburger and enjoy.'

It's both desired and feared. Difficult to live with and impossible to live without. Intimacy also comes attached to life's three R's: relatives, romance, and roommates. There are some things you can't escape, and other things you just don't want to know.

I wish there were a rulebook for intimacy. Some kind of a guide that can tell you when you've crossed the line. It would be nice if you could see it coming. But I don't know how you would fit it on the map. You take it where you can get it --and keep it for as long as you can. And as for rules, maybe there are none. Maybe the rules of intimacies are something you have to define for yourself.

Maybe we like the pain. Maybe we're wired that way. Because without it --I don't know…maybe we just wouldn't feel real. What's that saying?

Why do I keep hitting myself with a hammer? Because it feels so good when I stop.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2004
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D