Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

E o céu azul brilhará...

Diário de uma académica portuguesa em Londres

20
Dez09

Em Portugal...

Little Miss Sunshine

Cheguei ontem a Lisboa ao fim da tarde, e estáva frio, mas nada igual aos -5ºC de Hertfordshire... O céu estáva limpo, e apesar de odiar andar de avião, tenho de ser sincera: é bonito chegar a Lisboa de noite, quando tudo está iluminado.

 

Mal o avião aterrou, senti-me de novo segura, senti-me em casa. Adoro vir a Portugal cada vez mais, não só porque posso passar tempo com a minha família, mas também porque posso revisitar os locais da minha infância, rever os amigos que tive de deixar para trás quando decidi ir morar para Londres, posso passar tempo com os meus animais tugas, e acima de tudo, porque posso falar Português.

 

Não vou dizer que a minha vida em Inglaterra também não tem as suas vantagens, mas a verdade é que a qualidade de vida em Portugal é mil vezes melhor que a de Inglaterra, nomeadamente a vida pós-laboral e social. Em Inglaterra não temos tempo para saír com os amigos. O trabalho é demasiado exigente, o tempo é sempre mau e quando se chega a casa só se quer mesmo é ficar no quentinho a ler um bom livro, ou a namorar, ou a ver um DVD.

 

Quando estou lá, tenho sempre saudades dos meus tempos de saír à noite em Portugal, quando mesmo debaixo de frio e chuva eu ía com a minha irmã tomar o cafézinho com os amigos, ou beber uns copos no fim de semana. Mas agora, que estou por cá, também não me apetece fazer muito para além de ver tv e ficar frente ao aquecedor... O que é um pouco triste...

 

Parece que a vida em Inglaterra se entranhou no meu estado de espírito, sem  a mínima possibilidade de cura. Talvez nem seja bem a minha vida em Inglaterra a culpada, talvez seja mesmo a minha idade, estou mais velha e tenho necessidade de outro tipo de entretenimento e planos sociais ao fim do dia (nomeadamente, planos a dois)...

 

E por falar em planos a dois, desde que cheguei a Portugal ainda não tive possíbilidade de falar com o meu noivo como deve de ser. Andamos desencontrados nos nossos horários, e sei que é normal, só que fico triste e com saudades, mesmo sabendo que no final desta semana vou ter com ele... Desde que ele foi para o Brasil que temos falado diáriamente,  mas desde que cheguei falámos uns minutos ao telefone ontem e pouco mais...

 

Enfim, não é fácil andar dividida entre três países diferentes, pois os três têm todos razões bem fortes que me ligam a eles... E apesar de tudo eu até me posso considerar uma sortuda, porque tenho dinheiro suficiente que me permite andar a pular de país em país! Pode não dar para o fazer todos os meses, mas dá para visitar quando a saudade aperta, que é quando realmente interessa ir...

 

Hoje vou andar por casa, já que está de chuva, e eu não estou com muita vontade de me molhar... Se bem que o facto de ter o meu irmão mais novo a tocar bateria no quarto ao lado pode ser considerada uma boa razão para o fazer!!!

 

 

18
Dez09

Menos dois...!

Little Miss Sunshine

Ontem à noite nevou como se não houvesse amanhã... Só para terem uma noção do frio por estes lados, são 10h30 da manhã e estão -2ºC!! Está tudo branquinho em todo o lado, as escolas estão fechadas, a universidade também, e eu fiquei em casa. Ainda estou a recuperar da minha garganta, e não quero ficar pior!

 

Era para ir a Londres, para ir buscar umas últimas coisas para levar para o meu noivo, mas não me parece que consiga ir. As redes de transporte estão todas restringidas a serviços minimos, e ainda se prevê mais neve para o fim da tarde. Este é o primeiro ano desde que eu aqui moro (e já moro aqui há mais de 5 anos) em que neva durante Dezembro - normalmente a neve só vem lá para Fevereiro. Os Britânicos até fazem apostas para ver se neva no Natal, e acho que este ano estão com sorte!

 

E por falar em sorte, os documentos do Brasil chegaram ontem. Quando voltei a casa do trabalho, estavam à minha espera. Agora só falta aparecer a carta com a minha certidão de nascimento para podermos marcar as coisas como deve de ser. De qualquer forma, mandei um e-mail extenso ao cartório onde planeamos casar, com uma série de leis, porque disseram ao meu noivo que a procuração não é válida devido a uma cláusula de mudança de nome que já não se aplica na lei Brasileira.

 

Quando o meu noivo me disse isso, fiquei de coração partido, porque pagámos um bom dinheiro para fazer o raio da procuração, mais correrias entre notário e Consulado Brasileiro, e agora não a querem aceitar??!! Ah não!!  Lá fui investigar, e encontrei no código civil Brasileiro um artigo que é bem capaz de nos salvar a vida... E agora estou à espera da resposta deles...

 

Pedi também que as proclamas (editais) fossem dispensadas por motivo de urgência , algo também previsto na lei Brasileira. A lei Brasileira não especifica a urgência per se, o que quer dizer que vai depender da benevolência do juíz  aceitar a minha urgência como válida...e eu tenho esperança de que haja um pouco de compaixão por parte deles, considerando que já vai ser bem difícil viver sem o meu noivo durante os dois meses que seguem ao casamento... (Man! Eu devia ter sido advogada...!)

 

Nesta altura estou a torcer para que o nosso casamento ainda se realize enquanto eu estiver no Brasil...! É tudo o que eu quero.

 

O resto é história!

 

Vou ver se me aqueço, porque tenho o aquecimento no máximo, mas a casa está um gelo...!

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2005
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2004
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D